AUD

Importância do Dólar Australiano

O banco central na Austrália é designado por Banco da Reserva da Austrália. Como a 5ª mais transacionada divisa no mundo, o dólar Australiano também é mencionado como buck, dough, ou o Aussie. O Dólar Australiano é conhecido como uma divisa de mercadorias devido às suas substânciais exportações de matérias primas. Como resultado, o AUD é afetado pela China e outros mercados importadores asiáticos. Devido às suas relativamente elevadas taxas de juro, o Dólar Australiano é frequentemente utilizado em carry trades com o Japonês Yen. Uma carry trade é uma estratégia na qual uma divisa com uma inferior taxa de juros é vendida para comprar uma moeda com uma superior taxa de juros.

Início da Moeda na Austrália

Quando o Novo Gales do Sul foi estabelecido pela primeira vez em 1788 a Libra Inglesa era a moeda oficial, apesar de os Dólares Espanhóis terem sido utilizados com bastante regularidade. Em 1813, para tentar desencorajar o uso ilegal de Dólares Espanhóis, os centros de moedas foram cortados, ficaram conhecidos como ‘dólares furados’ e os núcleos eram designados por ‘depósitos’; esta foi a primeira forma de cunhagem da Austrália.

Da Libra Esterlina ao Dólar Australiano

Em 1825, o governo impôs o padrão esterlino e as moedas britânicas começaram a ser cunhadas na Austrália. Estas moedas de prata e bronze continuaram a ser utilizadas até 1910, quando uma nova moeda nacional, a Libra Australiana, foi introduzida. A Libra Australiana foi fixada no valor em relação à Libra Esterlina e, como resultado, utilizou o padrão ouro. Três anos mais tarde, as primeiras séries de notas australianas foram imitadas. Em fevereiro de 1966, o Dólar Australiano (AUD) foi introduzido sob um sistema decimalizado; os dólares e cêntimos substituiram as libras, xelins e centavos. Em 1988, as notas foram convertidas para polímero, uma tecnologia originalmente desenvolvida na Austrália para ajudar a prevenir a contrafação.